12 de fevereiro de 2010

104 - Comprar peixe que não esteja na lista vermelha


Alabote Hippoglossus hippoglossus
Alabote da Gronelândia Reinhardtius hippoglossoides
Atum patudo Thunnus obesus
Atum rabilho Thunnus thynnus
Atum do sul Thunnus maccoyii
Albacora Thunnus albacares
Atum voador Thunnus alalunga
Bacalhau do Atlantico Gadus morhua
Camarões Parapenaeus longirostris - Metapenaeus monoceros - Litopenaeus vannamei - Penaeus monodon
Espadarte Xiphias gladius
Linguado europeu Solea solea
Peixe espada branco Lepidopus caudatus
Peixes vermelhos Sebastes marinus - Sebastes mentella - Sebastes fasciatus
Pescada branca Merluccius merluccius
Pescada da Nova-Zelândia/Chile Merluccius australis
Pescada argentina Merluccius hubbsi
Pescada da Africa do Sul Merluccius capensis
Pescada da Namíbia/do Cabo Merluccius paradoxus
Raias Dipturus batis - Dipturus laevis - Rostroraja alba - Atlantoraja castelnaui - Leucoraja melitensis
Salmão Salmo salar
Solha americana Hippoglossoides platessoides
Tamboris Lophius americanus - Lophius piscatorius - Lophius budegassa
Tubarões:
Cação Galeorhinus galeus
Tubarão anequim Isurus oxyrhinchus
Tintureira Prionace glauca
Cação galhudo/melga Squalus acanthias

Este são os peixes que segundo a greenpeace portugal, não devemos consumir. Ou porque estão ameaçados de extinção, ou porque o tipo de pesca não é sustentável, provocando a destruição do fundo marinho ou a morte de outras espécies (por exemplo, "por cada quilo de camarão capturado, pelo menos 10 quilos de outras espécies são atiradas ao mar mortas ou moribundas. Algumas destas espécies são tartarugas em perigo de extinção"). Ou todas estas coisas juntas...


Esta organização tem em Portugal uma campanha, a decorrer há já algum tempo, contra a venda, por parte dos supermercados portugueses, de qualquer um destes peixes. Como podemos ver aqui, nenhum deles é minimamente exemplar... E todos nós, enquanto consumidores, podemos participar activamente nesta campanha. Podemos começar deixando de comprar estes peixes (e ter alguns cuidados ao comprar outros)!

Apesar de já não comer nenhum peixe há já alguns anos ("deixei" o peixe cerca de um ano depois de abdicar da carne), compramos peixe para o Zé Manel. Pois é, cá em casa, só eu sou vegetariana... Não muito, porque ele é mais dado à carne... Agora ainda menos, segundo ele e para minha alegria, defensora acérrima dos oceanos e da sua vida! E, claro, nunca nenhum dos acima mencionados. A greenpeace fez uma lista vermelha de bolso, mas eu fiz uma só com os nomes dos peixes, vou imprimi-la (e, como meti 12 listas numa folha A4, distribuir as restantes) e andar com ela não me vá falhar algum nome.

Ah! E os de viveiro também não parecem ser uma boa solução...

9 comentários:

  1. Informação preciosa que já reencaminhei para os meus contactos!

    ResponderEliminar
  2. Oi Ema, boa resolução!
    Eu só tinha uma sugestão terapêutica macrobiótica: prefiro peixe do gato (o pequenino, barato e que só quase o gato come) como a sardinha, o verdinho, a faneca, etc. Faz melhor à saúde que os peixes encorpados e, como deves reparar, nenhum vem na lista negra! Não tem que enganar, mas quem quer (e pode) comprar os outros, a lista é uma grande ajuda, parabéns pela ideia.

    ResponderEliminar
  3. sou novata nestas coisas, e tive alguma dificuldade em interpretar a lista.
    Quer dizer que o salmão é todo proibido, ou só algumas espécies? e o tamboril? e o atum? estão na lista algumas qualidades de atum... há algum que se pode consumir? como vou saber qual a qualidade que me estão a vender?
    alguém pode ajudar?

    ResponderEliminar
  4. Olá MJTovar.
    Todos os peixes que estão na lista NÃO se devem consumir. Não sei se existe mais algum tipo de salmão. Mas aparecem 3 tipos de tamboril (os nomes estão à frente, em latim) e vários atuns.
    Para te certificares se não estás a comprar a espécie errada leva a lista contigo (é o que eu faço) e confirma o nome em latim. Claro que se fores comprar peixe fresco fica mais difícil, mas pergunta, sem dizer porquê, o nome do peixe. Se te disserem "é atum", perguntas "mas qual atum?". Em caso de dúvida não tragas...
    O melhor é comer o peixe da nossa costa (a sardinha, o carapau,...), desde que tenha o tamanho devido!

    ResponderEliminar
  5. "meti 12 listas numa folha A4"

    Seria interessante se partilhasse o ficheiro com as 12 listas.

    ResponderEliminar
  6. É bastante fácil... mas sim, posso partilhar, claro. Basta pedir através do email 365coisasquepossofazer@gmail.com e eu envio o ficheiro.

    ResponderEliminar
  7. Muitos dos peixes que aparecem na lista já não são capturados em alto mar, mas sim provenientes de aquicultura, desta forma não se colocam as restrições assinaladas

    ResponderEliminar
  8. RedRose, na última linha do post tem um link para um site que fala dos aspectos negativos dos viveiros de peixe. A mim não me parece ser uma boa solução.

    ResponderEliminar
  9. Já agora acrescentem a Perca do Nilo por ser pescada por crianças no Congo.È importante não contribuirmos para exploração e escravatura infantil.

    ResponderEliminar

Obrigada pela sua visita e pelo seu comentário!
Nem sempre respondo aos comentários, visto este já não ser um blogue activo.
Se precisar de me contactar faça-o através do email awondrousday@gmail.com.
Obrigada e um boas mudanças verdinhas!