4 de fevereiro de 2010

96 - Não comprar frescos nas grandes superfícies


Antes de iniciar este desafio já consumiamos bastantes legumes e também fruta biológica (de safra materna...).

Entretanto, quando por algum motivo não temos este "cabaz" biológico ou não é suficiente, passamos também a comprar apenas fruta da época, nacional, e se possível biológica, e mais recentemente também aplicamos o mesmo critério aos legumes.

Isto fez com que passássemos a comprar mais vezes na feira, perto de nossa casa, a pequenos produtores. Mas continuamos a comprar, talvez em número igual de vezes, nos hiper/supermercados, umas vezes por conveniência outras, confesso, por preguiça...

Mas, a partir de hoje vamos deixar de fazer tal.

E o motivo principal prende-se com os sacos! Já evitávamos produtos em embalagens de isopor (esferovite), mas os sacos...

Pois é, nas grandes superfícies há frutas e legumes da época, nacionais e até biológicos, mas a sua compra implica trazer mais um saco plástico por cada item. Isto se já tivermos posto de parte todos os que já estão embalados no tal isopor e em "celofane".

Eu já não uso sacos de plástico nas minhas compras, ando sempre com os reutilizáveis atrás, mas sou obrigada a trazer meia dúzia de sacos de plástico finos e transparentes. Sou mesmo obrigada, "são regras", diz-me a senhora das pesagens, quando tento demovê-la de colocar um repolho num saco. "Pode pôr a etiqueta no talo ou até numa folha!" digo-lhe. "Não importa, são regras, tenho que o pôr num saco (e fechado com uma etiqueta para não o poder reutilizar!)"... Acharão que vou meter outro repolho neste saco??? É por questões de higiene??? Ah! E a fruta biológica, essa já vem embaladinha... em plástico.

Nalguns pingo doce, algumas operadoras de caixa (onde pesamos as coisas) deixam passar algumas coisas maiores (tipo o repolho) sem saco.

Ainda tentei reutilizar estes sacos (só possível quando somos nós a dar o nó no mesmo, porque as tais senhoras, quando não os fecham com as etiquetas do preço, cheias de brio profissional, esganam literalmente o saquito, invalidando-o para qualquer outro uso), mas hoje disse chega.

Este é o nosso primeiro passo do boicote aos lugares, sejam grandes ou pequenos, que promovem a não sustentabilidade ambiental!


Agora vamos redescobrir o mercado e ir mais vezes às feiras e mercearias. Fantástico!

9 comentários:

  1. Óptimo projecto, parabéns!
    Já está nos meus blogs eco-nacionais, na coluna a direita.

    ResponderEliminar
  2. sem qualquer duvida!abaixo os sacos de plastico!em frente com as compras de legumes nas feiras,mercados,productores amigos,HORTAS PROPRIAS!os vasos dos nossos mini-jardins,varandas,pateos,podem ter plantaçoes de ervas aromaticas,alfaces,tomates,etc...e que lindos que ficam,que bem que sabem!!os nossos filhos,felizes ajudam a plantar,e a colher para a mesa,a salada do dia!!!abaixo o plastico,só mesmo nas luvas para as plantações caseiras...

    ResponderEliminar
  3. Eu continuo com as minhas dúvidas em relação aos sacos de plástico, isto porque:
    1. Reutilizo sempre os sacos de plastico dos supermercados para por o lixo, não compro sacos para o lixo.
    2. Os sacos mais pequenos (fruta, farmácia, etc.) são para apanhar os cócós dos meus cães!

    Não aceito sacos de plástico, por exemplo, de lojas de roupa ou outras, não me servem para nada!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana!
      Tanto quanto sei, os sacos que deveriamos usar para pôr o lixo são aqueles pretos à venda nos supermercados, já que são feitos de plástico em fim de vida. Isto foi o que li. Sinceramente, acho que é mais 'verde' não trazer saco nenhum da caixa do hipermercado (usando uma mochila, sacos de pano, sacos reutilizáveis...) e comprar sacos pretos para o lixo. Isto é no que eu acredito mas não é necessariamente o mais correcto. Cumprimentos!

      Eliminar
  4. Lá está, Ana, cada caso é um caso. O importante é fazermos escolhas com consciência!

    ResponderEliminar
  5. Olá a todos! Alguém tem alguma ideia onde em Portugal posso comprar sacos de algodão em rede como este? http://portuguese.alibaba.com/product-gs/drawstring-cotton-net-bag-549164473.html
    Vivo na Finlândia e lá os caixas até chegam a passar maçã a maçã na caixa mas não é muito conveniente nas horas de ponta :) por isso queria mesmo comprar uns poucos destes sacos (de que tomei conhecimento através do No Impact Man) mas não faço ideia onde!!... Gostaria de os oferecer de prenda de anos a uma amiga, preciso mesmo de ajuda! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana, não faço a mínima ideia...
      Boa sorte!

      Eliminar
  6. Querida Ema, é Novembro, Sábado, estou sozinha em casa, chove lá fora, vela a arder e o teu blogue no ecrã, que já estava com saudades. Será que já pensaste em comprar semanalmente um cabaz do PROVE? Conheço relativamente bem como funciona e, se estivesse em Portugal, era quase certo. Beijinhos e bom fim-de-semana

    ResponderEliminar

Obrigada pela sua visita e pelo seu comentário!
Nem sempre respondo aos comentários, visto este já não ser um blogue activo.
Se precisar de me contactar faça-o através do email awondrousday@gmail.com.
Obrigada e um boas mudanças verdinhas!