19 de março de 2010

139 - Ensinar as crianças a respeitar e a amar a Natureza e o meio ambiente


Esta é uma daquelas sugestões que aparece (quase) sempre nas listas de coisas "que pode fazer para ajudar o ambiente"...

Apesar de não termos crianças cá por casa, tenho contacto com bastantes "pessoas pequeninas", de várias idades e feitios: a segunda geração de primos e primas, filhos de amigos e amigas e alunos (mais alunas...) nas aulas de yoga pr'a crianças. Os primeiros estão um pouco longe (e só estou com eles nalguns domingos); os segundos ainda são, quase todos, bébés. "Sobram-me" as minhas pequeninas, com quem estou todas as semanas, nas aulas.

Então como posso juntar, de forma equilibrada, o respeito e o amor pelo ambiente e a prática de yoga com as minhas crianças? Em termos de fundamentos, é fácil: o respeito por todos os seres vivos é inerente ao yoga (a não-violência), e este ajuda a desenvolver a sensibilidade para o que está à nossa volta. A própria aula desenrola-se à volta de uma história, sempre com elementos da natureza (animais, árvores, ...): um passeio à floresta, uma caminhada à beira mar, uma viagem ao deserto, ... Às vezes - quando está bom tempo - fazemos algumas aulas ao ar livre (num jardim ou na praia)!

Mas eu queria mais: adicionar elementos que alertassem as crianças para os problemas ambientais e trabalhar também no que podemos fazer para não contribuir para os mesmos.

Não é por falta de material que não se fazem coisas com miúdos: há revistas, imensos livros e sítios na internet, onde se podem ir buscar ideias muito giras e bem ecológicas. Bem, na verdade - na internet - é um mundo!!! E eu quase me perdi nele (desde que iniciei este desafio que quase não tenho tempo para as minhas "artesanices" e deu-me uma saudade!!! Já passou...).

Apenas alguns sítios, directamente vocacionados para a temática ambiental:

- recicloteca (oficina criativa de reutilização e valorização de materiais);
- casinha na árvore (experiências, brincadeiras, histórias e receitas, tudo "verde") e o blog da casinha;
- toys from trash (imensos brinquedos, jogos, experiências);
- guia do professor para educar pelo Ambiente (várias actividades, para o 1º ciclo);
- projecto apoema - associação para a educação ambiental (muita informação, actividades, jogos, dicas, ...)

Andei também, cá por casa, a procurar livros que usei quando andava nos escuteiros, para preparar actividades para o departamento de ambiente do meu agrupamento (ainda estão muitas coisas em caixas...). Encontrei um, da Organização Mundial do Movimento Escutista em cooperação com a WWF, "Ajuda a salvar o Mundo", que tem muitas actividades, óptimas para se fazerem numa casa com jardim. Num acampamento fiz este frigorífico solar e resultou:



Tenho outro, "101 experiências com a Natureza", da Texto Editora, que permite, principalmente a quem vive na cidade, aprender, através de experiências simples, factos básicos da vida natural. Já tirei uma ideia para fazer com a Inês, a minha sobrinha "adoptiva", quando ela estiver em minha casa:


E há muitos mais, claro. Nas prateleiras das livrarias já se encontram bastantes livros infantis/juvenis sobre ambiente e ecologia.

Assim, inspirada por duas amigas - educadoras - que têm, no seu infantário, um clube ambiental - o "Clube Pegada Verde" - que reúne todas as semanas (fazem visitas ao ecoponto..., plantam árvores, têm uma horta, fazem compostagem, divulgação, recebem insígnias "verdes", ...) resolvi criar um espaço, nas aulas, dedicado ao ambiente.

Comecei por pedir às minhas meninas (que estão no 2º ano) para, entre elas, elaborarem uma lista do que já fazem (algumas ou todas elas) para "ajudarem o ambiente". A primeira lista oficial (que será revista de 2 em 2 meses):

- reciclo papel, plástico e cartão;
- não gasto muita energia;
- não deito lixo para o chão;
- não estrago comida;
- não deito "gases" venenosos para a água;
- não como fruta com pesticidas, só tratada com estrume (adoro esta!!!);
- não arranco plantas, nem corto árvores;
- não mato animais;
- reutilizo o papel e o cartão (já fazíamos isto também nas aulas: sempre que desenhamos ou escrevemos, usados folhas já escritas num das faces);
- reutilizo os frascos e as garrafas de vidro;
- ponho as pilhas no pinhão;
- uso detergente ecológico para a louça;
- uso um copo para lavar os dentes.

Nada mal!?


Próxima medida: juntar rolhas de cortiça usadas para as reutilizarmos (vamos fazer animais e bonecos, para depois pendurarem na mochila da escola, a "enfeitar") e descobrirmos onde as podemos entregar para que possam ser recicladas (para quem, nas palavras de uma das meninas, for "preguiçoso" e depois não quiser, em casa, fazer nada com elas).


Dar-vos-ei notícias das nossas rolhas...

Sem comentários:

Publicar um comentário

Obrigada pela sua visita e pelo seu comentário!
Nem sempre respondo aos comentários, visto este já não ser um blogue activo.
Se precisar de me contactar faça-o através do email awondrousday@gmail.com.
Obrigada e um boas mudanças verdinhas!