16 de setembro de 2010

167 - Usar apenas perfumes naturais


Eu sei, eu sei que os perfumes camuflam o nosso cheiro natural e que é o nosso cheiro que nos identifica e todas essas coisas... mas... eu sou "cheirinhas", adoro cheiros: o cheiro do mar, o cheiro da erva, das flores, das frutas, o cheiro das especiarias, da terra molhada, enfim... para mim um perfume é como uma peça de roupa (já dizia a marilyn...): há dias (nem todos, é certo) que gosto de sentir em mim um determinado "perfume": por exemplo, um que me traga à mente o cheiro de um prado... Sem ter que me ir rebolar no meio da erva para o manter durante o resto do dia...

Posto isto, mal comecei este desafio comecei a "temer" este dia. Quando comecei a pesquisar sobre cosméticos, produtos de higiene, produtos de limpeza, quando comecei a aprender mais nas oficinas da Sylvia, confrontei-me com o facto da palavra perfume estar sempre nas listas das "persona non grata" para o ambiente...

Já sabia que perfume implica um grau variado de ingredientes, normalmente - e na sua maioria - sintéticos, com grandes probabilidades de muitos deles serem prejudiciais (para mim e/ou para o ambiente) mas quando encontrei esta imagem...


... não consegui adiar mais. Como é que é? Contra os 15 a 33 químicos diferentes que podem ter os outros produtos ditos de beleza, um perfume tem cerca de 250!!! Já não consegui olhar da mesma maneira para os frascos de perfume que ainda andam pela nossa casa-de-banho...

Depois encontrei este relatório da Environmental Working Group, um estudo que revelou que várias marcas de perfume contêm pelo menos 10 químicos secretos (sim, secretos... os fabricantes têm o direito de manterem o segredo das fórmulas!!!) potencialmente perigosos para a saúde: de uma simples reacção alérgica à perturbação do funcionamento endócrino! 12 dos 17 perfumes testados contêm ftalato de dietilo, relacionado com o desenvolvimento anómalo dos órgãos genitais de bebés do sexo masculino e com problemas no esperma dos homens adultos (leiam esta resposta do parlamento europeu a uma pergunta sobre o uso deste químico nos cosméticos...)!

Portanto, além dos químicos oficiais, muitos dos quais já são prejudiciais para nós e para o ambiente, ainda podemos "apanhar" com outros, sobre os quais, pelos vistos, ninguém tem que apresentar contas! Agora, acho que já percebo porque é que ficava quase sempre com uma dor de cabeça quando permanecia algum tempo numa daquelas perfumarias onde podemos experimentar os perfumes que quisermos... imaginem fazer uma análise ao ar num local destes!

Na verdade. com muita pena minha, já não consigo saber o que contêm os meus perfumes porque as caixas já foram todas reutilizadas... Outro problema, embalagens a mais: o invólucro de plástico, a caixa de cartão, mais cartão para proteger o frasco que é em vidro e metal, normalmente, e quase impossível de ser reutilizado!

Solução?

Parece que há alguns (este também) perfumes com preocupações ambientais, mas como não consigo ter acesso à lista de ingredientes... Também não consegui encontrar mais informação sobre este projecto académico português: fazer um perfume (em grande escala) usando recursos naturais e tecnologias limpas.

Há uns bons anos ofereceram-me um perfume de flores artesanal, alentejano, que adorei (ainda tenho o cheiro na minha memória) mas já não me lembro nem do nome, nem do lugar, nem de que flores, ...

E que tal experimentar fazer? Há dois anos, participei, com a minha amiga Daniela, numa oficina de perfumes (inserida no programa do Ciência Viva no Verão). Aprendemos a extrair óleos por maceração, tal como está aqui muito bem descrito (é a mesma oficina...), mas foi um bocadinho frustrante (são precisos 5l de volume de plantas para conseguir cerca de 2 ml de óleo...)!


Entretanto encontrei este site cheiinho de receitas de perfumes (e não só) que, além da abrir o apetite para experimentar, veio comprovar a minha teoria: beber vodka deve ser como beber álcool etílico...

Ainda assim vou começar por uma receita mais simples, que aparece no livrinho O Lar Ecológico: a água de pétalas. Logo vos direi se cheira bem!

Água de pétalas
- pétalas de flores perfumadas (rosas e/ou afins...)
- água
- genebra (bebida feita com aguardente de cereais e bagas de zimbro)
Deitar um molho de pétalas num prato com água a ferver e deixar repousar um dia inteiro. Sem tocar no conteúdo, levá-lo (tapado presumo) ao frigorífico por mais dois dias. Flitrar e adicionar, por cada copo de água de pétalas, uma colher de café de genebra. Guardar no frigorífico.

Outra água de flores (recolhida não sem onde...)
- flores frescas (lavanda, flor de laranjeira ou madressilva)
- água
Introduzir as flores num copo ou frasco grande. Encher com água até as flores ficarem totalmente cobertas e deixar repousar durante a noite. Coar para uma panela e levar ao lume (brando) e deixar ferver um pouco. Deixar arrefecer e guardar num frasco (dura aproximadamente 1 mês).

Água de alfazema
- algumas flores de alfazema frescas
- álcool a 90º
Deixar secar as flores e colocá-las, durante uma semana, em ácool. Retirar as flores, aquecer a mistura e filtrar o líquido. Guardar num frasco bem fechado (não sei o tempo de duração).

Perfume com cheiro a chuva (semelhante às do site acima indicado)
- 2 copos de água destilada
- 3 colheres de sopa de vodka
- 5 gotas de óleo essencial de sândalo
- 10 gotas de óleo essencial de bergamota
Colocar a vodka num frasco e adicionar os outros ingredientes, mexendo bem. Deixar repousar durante 12 horas e armazenar num local seco (dura cerca de um mês).

23 comentários:

  1. Antigamente era tudo tão mais natural. O consumismo e a ânsia pelo lucro... a longo prazo só trazem problemas.

    A imagem gostava de conseguir ler o que está escrito mas as letras s~ºao muito pequeninas.

    ResponderEliminar
  2. Olá Ema! Gostei imenso do teu post e gostaria de te enviar uma sugestão. Se calhar já conheces a marca LUSH, que infelizmente ainda não existe em Portugal. Mas eles fazem os seus produtos sempre com uma preocupação ambiental. Mesmo quando enviam encomendas usam pipocas em x de esferovite. Alem disso, para diminuir as embalagens, grande parte dos cosméticos são sólidos. Da uma vista de olhos: lush.com.

    ResponderEliminar
  3. "ESpeCiaLmente GaSPaS" se quiseres envia um email para o 365coisasquepossofazer@gmail.com e eu envio-te a imagem com mais definição, está bem?

    ResponderEliminar
  4. Olá Ju! Também sou fã da Lush (desde que há uns anos fui a Londres pela primeira vez) e tenho pena que não haja por cá...
    Obrigada, de qualquer modo, pela dica e pelo carinho!
    Bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
  5. A Lush procura alguém para implementar uma loja em Portugal... não conheces alguém interessado?! É que sempre que vou a Portugal tenho pena de não encontrar uma loja deles.
    Queria também acrescentar, que apoio esta tua iniciativa e virei frequentemente ao teu blog.
    Obrigada!

    ResponderEliminar
  6. Olá Ju,
    será possível contactares-me através do email 365coisasquepossofazer@gmail.com? Gostaria de te fazer algumas perguntas.
    Obrigada (também pelo apoio!)

    ResponderEliminar
  7. Eu também adoro cheiros...
    Comecei há algum tempo a fazer a maior parte dos produtos de limpeza para a casa e do que mais sinto falta em relação aos outros é o cheirinho :-)
    Só uso perfumes de marcas que não testam em animais.
    Não conheço a Lush, mas vou pesquisar.

    ResponderEliminar
  8. "Mãe da Rita", pode juntar umas gotas de óleo essencial (ao seu gosto) para o cheirinho!

    ResponderEliminar
  9. filomeno, entre outros ingredientes também nada amigos...

    ResponderEliminar
  10. Olá Ema. Moro no Brasil e ao passear por ai procurando sobre ecologia, vi seu blog e achei magnifico.

    Parabéns! Espero que tenhamos muitas informações para trocar.

    Abraços,

    elaine figueira

    www.elainefigueira.blospot.com

    ResponderEliminar
  11. Obrigada Elaine, pelo entusiasmo.
    Gostei muito da sua lista!
    Tenho a certeza que vamos nos "encontrar" mais vezes.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  12. A Biobi, marca italina de cosmética natural já à venda em Portugal, tem perfumes mais amigos do ambiente. Os produtos não são testados em animais, nem usam ingredientes animais, nem produtos químicos agressivos ou petroquímicos. Usam poucos ingredientes e alguns são biológicos. Os produtos são controlado pelo Instituto para a Certificação Ética e Ambiental (Itália) http://www.icea.info

    ResponderEliminar
  13. um belo perfume natural ... nao tmem banho...
    1º é natural :P
    2º poupam agua, economizando agua e ganhando na carteira
    3º nao se expoem a todos os produtos quimicos que se encontram nos produtos de higiene e que sao centenas...
    4º ganham o "vosso" (literalmente) unico e garantidamente exclusivo perfume =)

    obviamente estou a brincar, adoro o teu blog

    ResponderEliminar
  14. Eh, eh, eh!!!
    É verdade, Luigi...
    Segundo reza a lenda, Napoleão, quando regressava das batalhas, pedia à Josefina para deixar de tomar banho, uns 15 dias antes da sua chegada...
    Obrigada pelo humor!

    ResponderEliminar
  15. Olá Ema, gostei muito do teu blog.
    Sempre que posso venho aqui dar uma espreitadela :)
    Será que me podes dizer onde posso adquirir alguns destes óleos essenciais? (tenho tido alguma dificuldade em encontrá-los)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada!
      Os meus óleos essenciais são de duas quintas (comprei-os na feira alternativa):
      - Casa do Outeiro - casadouteiro22@gmail.com (enviam pelo correio);
      - Herdade de Vale Covo - www.herdade-valecovo.com.

      Eliminar
  16. Olá!
    Há algum tempo que acompanho este blog e tenho adorado as ideias que aqui encontro.
    Na semana passada vim aqui em busca de sugestões de perfumes naturais e vi que muita gente recomendava a marca Lush, por isso fui logo ao site deles ver os seus produtos para comprar alguns, mas, para minha surpresa, reparei que os produtos desta marca não são 100% naturais.
    Já tinham reparado nisso? Conhecem alguma marca 100% natural?
    Obrigado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada!
      Em relação aos perfumes (e não só)é difícil encontrar marcas 100% naturais (deixei alguns links interessantes no post) daí ter sugerido o fazermos os nossos próprios perfumes!

      Eliminar
  17. Olá Ema!
    Ando a tentar fazer perfume sólido (que fique tipo um creme mas mais sólido), mas o aroma dos óleos essenciais perdura pouco após aplicar na pele. Conhece algo q eu possa adicionar para fixar o perfume? De preferência, natural? Vou experimentar aumentar a quantidade de óleo essencial, mas mesmo assim duvido um pouco q resulte.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!
      Infelizmente não posso ajudar, mas se tiver facebook, há um grupo onde deve haver alguém que possa ajudar:
      Saboaria - https://www.facebook.com/groups/saboaria/?fref=ts
      Boas experiências!

      Eliminar
  18. Gostei do artigo, parabéns.

    Vou tentar fazer o Perfume com cheiro a chuva

    ResponderEliminar

Obrigada pela sua visita e pelo seu comentário!
Nem sempre respondo aos comentários, visto este já não ser um blogue activo.
Se precisar de me contactar faça-o através do email awondrousday@gmail.com.
Obrigada e um boas mudanças verdinhas!